sábado, dezembro 12, 2009

bichos de goiaba

por que tanto querem a si mesmos, quando sabem que não existe absoluta autonomia?

por que se deixam depender tanto, quando se sabe que é sempre preciso o impulso de cada um pro giro da roda?

por que as fotos amareladas materializam tão mais a saudade? é amarela a cor do tempo transcorrido?

e o mundo humano nos tira do tato em mais ampla superficie, nos priva mais do olfato, nos encarcera na luz, na visão, por vezes na audição que confundem, que cegam, que ludibriam...
passagem de ida e volta constante, entre alegria e tristeza: um tango.

p.s.: trilha sonora tão vasta...

Um comentário:

Clara disse...

A vida é sábia o suficiente pra pontuar cada momento da vida no momento certo!Um dia a lagarta completa a metamorfose, ou não, e voa, flor!o voo é o instante mais esperado, dia após dia!

muito xeros!